História

Em 2011, um grupo de bibliotecários da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO) deram início a um projeto audacioso, uma revista eletrônica das áreas de biblioteconomia e cultura, em um formato diferente do acadêmico e científico, que busca valorizar textos mais soltos, investigativos, no âmbito mais jornalístico, e que conversava diretamente com o seu leitor. A Revista Biblioo ultrapassa hoje o número de 60 edições publicadas com diversas entrevistas e reportagens dos mais diversos assuntos, tais como informação jurídica, biblioteca escolar, censura no regime militar, carnaval, acessibilidade, biblioteca prisional, entre outros.

Em 2014, a Revista Biblioo passou por um processo de reformulação, novas ideias foram agregadas a iniciativa, um novo site foi desenvolvido, novos conceitos foram adotados para atender aos seus leitores e, o mais importante, a edição de número 36, que abordou a temática das bibliotecas jurídicas, foi impressa e comercializada. É neste momento que surge a Editora Agência Biblioo.

De forma independente, a Editora Agência Biblioo deu continuidade a publicação da Revista Biblioo, no formato eletrônico e realizando a impressão de apenas algumas edições.

Em 2016, quando um dos mais proeminentes pesquisadores da área de biblioteconomia e ciência da informação dos últimos anos no Brasil, o professor Jonathas Carvalho, reuniu textos publicados em sua coluna na Revista Biblioo e organizou na obra intitulada “Tópicos em Biblioteconomia e Ciência da Informação: epistemologia, política e educação”, a primeira publicação da Editora Agência Biblioo.

A Editora segue determinada, hoje com três publicações, sendo uma delas de literatura infantil, e se dispõe aos autores interessados a publicar livros  e revistas (em formato impresso ou virtual) nas áreas da biblioteconomia, literatura, cultura e/ou educação.

Expediente

A Editora Agência Biblioo é formada pela seguinte equipe:

Chico de Paula
Editor-chefe

Bibliotecário formado pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO). Atua como bibliotecário-chefe da Biblioteca Central do Centro de Tecnologia da Universidade Federal do Rio de janeiro (UFRJ). É mestre em Políticas Públicas e bacharel em Direito, ambos pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Tem experiência como repórter de televisão, rádio e jornal.

Rodolfo Targino
Editor-adjunto

Bibliotecário formado pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO). Mestrando em Ciência da Informação pela Universidade Federal Fluminense (UFF) e bacharelando em Jornalismo pela UERJ. Experiência com redator, editor e repórter.

 

 


Conheça nossas publicações  |  Saiba como publicar conosco